(S.O.S) Governo Federal, salve a Caixa Cultural Rio

Farnese de Andrade

Na última semana, segundo o Jornal o Globo, Maria Fortuna no blog de Marina Caruso soltou a informação de que o Governo Federal pode encerrar as atividades da Caixa Cultural Rio e essa notícia teria sido repassada a funcionários da instituição, em uma reunião fechada.

Segundo a coluna e o jornal, a razão do fechamento seria o alto valor do aluguel do prédio que a Caixa ocupa na Avenida Almirante Barroso, o que ocasionaria a transferência do setor administrativo para um imóvel na Rua do Passeio, até o fim de agosto. O local, contudo, não comporta a programação cultural abrigada no prédio da Almirante Barroso, e a solução seria a transferência das atividades agendadas até o fim do ano para o Teatro Nelson Rodrigues, que também pertence à Caixa.

Procurada pelo jornal O Globo, a Caixa Cultural não confirmou a informação do encerramento das atividades de sua sede carioca. Entre produtores, já circulava o boato de que o edital de ocupação deste ano (previsto para ser lançado em maio) já não contaria com projetos para a unidade Rio. A possibilidade de encerramento das atividades na cidade aumentou a tensão no meio.

 

A unidade carioca da Caixa Cultural mantém atualmente duas exposições: “Farnese de Andrade – Arqueologia existencial” e “Terra em chamas”, de Vítor Mizael, em cartaz, respectivamente, até 20 de maio e 26 de junho, com as galerias 2 e 4 fechadas há um mês.

 

 

Enquanto torcemos para novas boas notícias, relembre AQUI a matéria de capa com Farnese de Andrade na Dasartes 48.

Fonte: Jornal O Globo e Blog Marina Caruso

Compartilhar: