Pintura roubada de Degas é encontrada em um ônibus

Uma pintura de Degas roubada de um museu de Marselha em 2009 foi encontrada em um ônibus perto de Paris.

A ministra da cultura francesa, Françoise Nyssen, disse que as autoridades descobriram a obra de arte no compartimento de bagagem do ônibus que foi parado em uma estação de serviço de auto-estrada.

Especialistas confirmaram que era “Les Choristes”, uma pintura em tom pastel que de valer 800 mil euros ( 700,000 mil libras).
Nenhum dos passageiros admitiu possuir a pintura.
As autoridades aduaneiras descobriram a pintura dentro de uma mala. Ninguém foi preso.
A obra foi roubada do Musée Cantini de Marselha em 2009 e foi emprestada pelo Musée d’Orsay em Paris para uma exposição.
Autoridades na época disseram que não havia sinal de roubo.
A arte em pastel é datada de 1877.

Quem era Edgar Degas?
Hilaire-Germain-Edgar De Gas, mais tarde conhecido como Edgar Degas, nasceu em Paris em 1834.
Ele era filho de uma mãe crioula de Nova Orleans, Louisiana e um pai francês que trabalhava como banqueiro.
Ele é famoso por suas pinturas, esculturas e gravuras, particularmente as de dançarinas.
Degas é creditado como um dos fundadores do Impressionismo, um movimento de arte focado em retratar a realidade nesse instante – com foco em cores brilhantes e efeitos da luz.
Ele morreu em 1917.

Esta descoberta de Degas não foi a primeira vez que uma peça de arte faltante apareceu em um local estranho.
Em 2015, a banda punk dos Estados Unidos Stereo Fire Empire encontrou uma artefonia roubada em Nova Orleans , encostada a uma parede, poucas horas depois de ser denunciado o roubo.
Em 2014, uma série de obras desconhecidas de Andy Warhol foram descobertas 30 anos depois em discos do computador Amiga. O artista foi pago para criar as obras para o lançamento do Amiga 1000, um computador da marca Commodore.
Em 2009, um historiador de arte descobriu um trabalho perdido do artista húngaro Róbert Berény, pendurado no fundo do filme infantil Stuart Little ao vê-lo com sua filha. “Sleeping Lady with Black Vase” foi vendida em leilão cinco anos depois por 182 mil libras.
E, em 2007, em Nova York, uma pintura roubada há 20 anos foi encontrada em uma pilha de lixo no Upper West Side de Manhattan, em Nova York. “Tres Personajes” do artista mexicano Rufino Tamayo vendeu mais de  500 mil libras depois.

Compartilhar:
Notícias - 05/05/2016

Prêmio ABCA divulga a lista dos vencedores da edição 2015

A Associação Brasileira de Críticos de Arte – ABCA – anunciou os nomes dos artistas visuais, curadores, críticos, autores e …

Notas - 07/08/2015

Guerra e Paz, de Candido Portinari, de volta a Nova York

Doados pelo Brasil à ONU em 1956, os painéis Guerra e Paz, de Candido Portinari (1903-1962), voltaram a fazer parte …

Notícias - 21/06/2018

A escultura monumental feita de 40.000 cartuchos de balas

Embora o virtuoso fotorrealista Robert Longo tenha feito trabalhos politicamente carregados desde sua ascensão à proeminência na era Reagan, a …

Notas - 18/11/2015

Serigrafias de artista carioca dão voz a presos políticos de Angola

Foi a censura imposta pelo governo de Angola aos ativistas presos, sob acusação de uma tentativa de golpe de Estado, …

Notícias - 24/07/2017

Três obras de Francis Bacon roubadas em Madrid, foram recuperadas pela polícia espanhola

A polícia espanhola informou, a recuperação de três obras de Francis Bacon que foram roubadas de uma residência privada em Madri …

Notas - 29/10/2015

Cosac Naify lança Bambi com ilustrações de Nino Cais

Bambi chega às livrarias pela primeira vez em português. Publicado em 1923, Bambi – Uma história de vida na floresta …

Notícias - 25/05/2017

Mr. Maezawa e seu Basquiat de US$ 110 milhões

A venda de US$ 110 milhões da tela “Sem título” de Jean-Michel Basquiat, divulgado no último dia 18 pela família Siegel, ofuscou …

Notícias - 08/11/2017

Feira PARTE abre em São Paulo sua nona edição

A PARTE é a primeira feira no Brasil dedicada à arte contemporânea, com foco em novos talentos.

Plataforma de fomento à …

Notícias - 18/10/2018

O artista e performance Petr Pavlensky sai da prisão e promotoria o quer de volta por mais 10 anos

Em 13 de setembro, o artista russo Petr Pavlensky foi libertado da prisão preventiva em uma prisão francesa após ser …

Notícias - 11/09/2015

Entrevista exclusiva com o casal Rubell

Em sua primeira visita ao Rio de Janeiro em 30 anos, o casal de colecionadores norte-americanos Don e Mera Rubell …

Notas - 18/04/2017

MUSIV.AR17: 1ª Exposição e Festival Internacional de Mosaic Contemporânea na Argentina

MUSIV.AR17 nasceu da ideia de divulgar o mosaico como arte, fora do seu uso como um revestimento ou decoração, bem …

Notícias - 20/07/2017

Filha de Lygia Pape processa LG por possível uso de imagem de obra

Paula Pape, filha da artista brasileira Lygia Pape, processou a LG Eletronics Inc., no tribunal federal de Manhattan no mês …