Pinacoteca de São Paulo realiza exposição com fotos feitas por deficientes visuais

© Divulgação

Os dez alunos do Curso de Fotografia para Deficientes Visuais, realizado pelo Núcleo de Ação Educativa (NAE), da Pinacoteca do Estado de São Paul, em projeto coordenado por João Kulcsár, terão seus trabalhos expostos no museu a partir do dia 28 de novembro na mostra Transver – fotografias feitas por pessoas com deficiência visual.

Serão apresentados 10 trabalhos, um de cada participante, que também atuaram no processo de escolha das obras. O curso aconteceu de agosto a outubro, foi dividido em três módulos que mesclaram ensinamentos teóricos e práticos e foi ministrado por João Kulcsár, coordenador do projeto de fotografia com deficientes visuais do Senac-SP, em parceria com a equipe do educativo do museu.

Durante esse período os participantes foram sensibilizados pelas poesias de Manoel de Barros, pelos trabalhos de fotógrafos contemporâneos, pelas visitas à Pinacoteca e seu entorno e pelo uso de diversos materiais multissensoriais do Programa Educativo para Públicos Especiais do Núcleo de Ação Educativa da Pinacoteca. O resultado fotográfico surpreende, pois, os participantes, todos com diferentes graus de deficiência visual, aprenderam a lidar com o equipamento, a desenvolver as competências básicas necessárias e a perceber o espaço a partir dos outros sentidos.

Além das fotos, os visitantes terão acesso a pranchas táteis, áudio descrições e textos em Braille. Um código QR possibilitará que os visitantes assistam aos depoimentos gravados pelos artistas participantes da mostra, tornando a exposição acessível aos diversos públicos.

A abertura acontecerá a partir das 11 horas no Espaço NAE e a mostra segue em cartaz até dia 03 de abril de 2016.

Compartilhar: