Em São Paulo, Parque da Juventude recebe obra interativa do artista Marcos Amaro

Fotos: Stefânia Sangi

O parque da juventude é um complexo cultural, recreativo e esportivo, que desde 2007 oferece lazer e entretenimento na Zona Norte da capital paulistana. O local, que até 2003 abrigava o antigo complexo de detenção do Carandiru, possui, ao longo de seus 249 mil metros quadrados, área verde, espaço para esporte, lazer e turismo, além de acesso a computadores.

Desde setembro deste ano, mais uma atração habita o parque. O artista Marcos Amaro, que vê nos espaços públicos uma oportunidade de conectar a população à arte, tornando-a mais acessível e democrática, presenteou a cidade de São Paulo e o Parque com a instalação da obra Gafanhoto. A referência aeronáutica, presente em toda sua trajetória artística, segue criando novos formas e contextos também nesta obra. A escultura permanente simboliza a esperança nas cores da bandeira do Brasil, em uma homenagem à cidade de São Paulo.

A obra Gafanhoto, desenvolvida a partir do convite do ex Secretário do Meio Ambiente, Ricardo Salles, carrega muito deste simbolismo de democratização. “O que era um antigo avião de guerra, aterrissa no Parque da Juventude de forma enérgica, lúdica, interativa e permanente. A obra é pra tocar, subir e pra cumprir a proposta de transmitir esperança e prosperidade a toda população que tiver a oportunidade de contemplá-la”, explica o artista.

O Parque da Juventude fica localizado na Av. Cruzeiro do Sul, 2630 – Carandiru, São Paulo – SP.

 

Compartilhar: