Diretor da Christie’s abrirá novo Museu em Paris por Redação

© Divulgação

O francês François Pinault, magnata de bens de luxo e o proprietário da casa de leilões Christie’s, anunciou planos para a criação de um museu privado em Paris para apresentar a sua vasta coleção de arte contemporânea. Pinault disse que era a sua ambição “contribuir para o brilho de Paris de uma forma original e forte.”

Pinault, que completa 80 anos neste verão, disse em uma coletiva de imprensa no City Hall em Paris que o museu seria instalado em um antigo edifício de bolsa de mercadorias do século 18, perto do recém-construído La Canopée em Les Halles. Tadao Ando, ​​o arquiteto japonês, que redesenhou o Palazzo Grassi, em Veneza em um museu que Pinault inaugurou em 2006, irá supervisionar as reformas, disse ele. O museu, que ainda não tem nome, será construído até o final de 2018.

Com o anúncio, parece que Pinault vai cumprir uma ambição que foi frustrada em 2005, quando ele abandonou os planos para a construção de um museu em uma antiga fábrica da Renault na Île Seguin no Sena. Na época, ele se queixou sobre os obstáculos burocráticos, dizendo que “a eternidade é para a arte, não para projetos destinados a servi-lo.” Ele acabou restaurando dois palácios históricos em Veneza para exibir partes de sua coleção, que tem mais de 3.000 obras.

Filho de um fazendeiro em Brittany, Pinault construiu sua fortuna a partir de um negócio de importação de madeira, depois de vende-la, investiu no negócio de bens de luxo, que evoluiu para a holding Kering, que agora inclui o Grupo Gucci, Saint Laurent e Balenciaga. Ele não havia visitado um museu até a fase mais adulta, desenvolvendo um gosto por arte contemporânea e colecionando ao longo destes últimos 40 anos.

Desde que cedeu o controle da empresa em 2003 para seu filho, François-Henri Pinault, ele tem se concentrado na expansão e edição de sua coleção com uma equipe de consultores de arte que inclui Jean-Jacques Aillagon, um ministro da Cultura e ex-presidente Centro Pompidou. Muitas das obras de Pinault foram adquiridos diretamente de artistas como Damien Hirst e Jeff Koons, e ele ainda apoiou jovens artistas up-and-coming como Danh Vo.

Compartilhar: