“Infância roubada” é tema de exposição de artista plástica brasileira em Portugal

© Divulgação

A XIX Bienal de Artes Plástica 2015 em Portugal escolheu a coleção “Infância Roubada” da artista brasileira Kátia Alves para a exposição que acontece de 4 a 6 de setembro em Lisboa, Portugal.

Coleção “Infância Roubada”
A coleção lançada em 2015 é composta por 15 crianças feitas em cerâmica. Cada uma traz uma realidade muito cruel de crianças que perderam a inocência antes mesmo de sair da infância. São 15 milhões* de crianças aliciadas para a guerra, mutiladas, sequestradas, violentadas. (dados Unicef)

“Essa coleção junta as lágrimas do mundo e as transforma em silenciosos gritos de socorro, em súplica por um mundo de paz” afirma a artista plástica e designer Kátia Alves.

A coleção continua em exposições pela Europa e em breve virá para o Brasil.

Esta é a segunda coleção da artista que ganha destaque no além mar. Em 2013, a “Coleção Iluministas” já havia sido exposta na tradicional Bienal Internacional de Cerâmica de Aveiro.

KÁTIA ALVES – Artista Plástica e Designer
Kátia Alves é brasileira, filha de portugueses que migraram para o Brasil no fim dos anos 50. Além da cidadania portuguesa herdou o gosto pelas artes desde cedo.

Kátia estuda cerâmica desde 1997, faz parte da nova geração de artistas brasileiros. Ela vem desenvolvendo nos últimos anos peças que expressam sentimentos, desencadeiam emoções, causam reflexão sobre a realidade do ser humano ao redor do mundo.

Compartilhar: