Exposição CRU terá performance inédita dia 03 de outubro

© Divulgação

Entre 11h e 19h do dia 3 de outubro, a performance reunirá um grupo de pessoas cozinhando dentro de uma grande caixa de vidro jateado – o ‘laboratório’ –, onde serão criadas diferentes interpretações de wafers, com sabores batizados de Everest, Pacífico, Saara, Antártica, Amazônia e Foz do Iguaçu, desenvolvidos por Pierre Hermé, estrela da confeitaria francesa e colaborador assíduo do coletivo. Através de quatro aberturas existentes nesta grande caixa, os wafers serão entregues um por um, por meio de pinças. O público, no entanto, não poderá saber de antemão o sabor de seu exemplar.

“Ao não ter escolha sobre o sabor do wafer que receberá, as pessoas irão vivenciar uma situação muitas vezes recorrente em suas vidas, de ter uma falsa autonomia sobre diversas ‘escolhas’, refleteRirkrit. “Ao mesmo tempo, tentará descobrir o que se passa dentro da caixa, que permanecerá sempre misteriosa, numa metáfora sobre a produção e o consumo, quando não se sabe exatamente como foi feito o alimento industrializado que compramos”, completa.

Compartilhar: