© divulgação

DASARTES 21 /

BRAZILIAN DESIGN MODERN & CONTEMPORARY FURNITURE

A exposição Brazilian Design: Modern & Contemporary Furniture chega a Berlim.

Assim como a arte brasileira, nunca o design brasileiro esteve tão presente no mundo como agora. Prova disso é a exposição Brazilian Design: Modern & Contemporary Furniture, em cartaz até o dia 5 de maio em Berlim, na Alemanha. O visitante encontrará um conjunto de cerca de 60 móveis e objetos emblemáticos da produção nacional dos últimos 80 anos.
Além dos móveis e de objetos (a maioria cedidos por particulares), a exposição vai mostrar ainda vídeos inéditos sobre a história do design brasileiro.

Estão presentes trabalhos de mestres como Sergio Rodrigues, Joaquim Tenreiro, Jorge Zalszupin, José Zanine Caldas, Lina Bo Bardi, Paulo Mendes da Rocha e Oscar Niemeyer, para citar os modernos. Entre os artistas contemporâneos o visitante encontrará Rodrigo Almeida, os Irmãos Campana, Brunno Jahara, Sergio Matos, Carlos Motta, Ovo, Maneco Quinderé e Domingos Tótora, além de Zanini de Zanine – este último é o curador da mostra, juntamente com Luciana Nemer Wiegmann.

Algumas peças icônicas estão na mostra berlinense, como a cadeira de três pés, de Joaquim Tenreiro; a poltrona Bowl, da Lina Bo Bardi; a cadeira Oscar, de Sergio Rodrigues; a chaise Longue Rio e a Praiana (que tem raros exemplares) de Oscar Niemeyer. Os móveis e objetos estão espalhados por dois espaços do shopping de design Stilwerk. O contemporâneo recebeu, no Mall, 300 metros quadrados de área expositiva. As peças da época moderna estão na Design Galerie Zeitlos, em cerca de 100 metros quadrados.

Quem estiver em Berlim tem até o dia 5 de maio para conferir Brazilian Design: Modern & Contemporary Furniture. Depois, a mostra terá lugar, no segundo semestre, em Londres,seguindo depois para Suiça, Portugal e Brasil.

Compartilhar:

Confira outras matérias

Matéria de capa

Alphonse Mucha

Alphonse Mucha é hoje um dos artistas tchecos mais famosos do mundo. Nascido em 1860 na região da Morávia, ganhou …

Destaque

Rosana Paulino: a costura da memória

Voz singular em sua geração, Rosana Paulino surgiu no cenário artístico paulista em meados dos anos 1990, propondo, de modo …

Do mundo

Anni Albers

Anni Albers começou seus estudos na Escola Bauhaus em Weimar em 1922. Apesar de seu desejo inicial de ser pintora, …

Reflexo

Vinicius SA por ele mesmo

O pensamento científico me influencia pela racionalidade, pelo cálculo e pela possibilidade de antever meus projetos. A prática artesanal é …

Garimpo

Marcel Diogo

A escolha dos leitores da Dasartes para o concurso Garimpo Online 2018/2019 é Marcel Diogo, somando a votação no site …

Resenhas

Resenhas

Intempéries permanentes e Ultramar
Referência Galeria de Arte
Intempéries permanentes – visitação até 23 de fevereiro
Ultramar – visitação até 26 de janeiro
POR …

Destaque

Jean-Michel Basquiat na Fundação Louis Vuitton

Inquebrável

Parece que palavras “tour de force” foram criadas para a exposição épica de Jean-Michel Basquiat na Louis Vuitton Foundation. A …

Matéria de capa

Andy Warhol: de A para B e vice-versa

“Eles não queriam meu produto. Ficavam dizendo ‘queremos sua aura’. Nunca entendi o que queriam.” – Andy Warhol
Esse trecho tirado …

Flashback

Constantin Brancusi

Constantin Brancusi (1876-1957) exibiu pela primeira vez sua escultura em Nova York, no Armory Show de 1913, ao lado de …

Do mundo

Jaume Plensa

“A escultura é a melhor maneira de fazer uma pergunta.” Jaume Plensa

“Firenze II”, de 1992, é um enorme ponto de interrogação …

Destaque

A vizinhança de Lucia Laguna

As pinturas de Lucia Laguna são inseparáveis do local onde foram feitas: o ateliê-casa da artista e os arredores do …

Garimpo

Gunga Guerra

Nascido em Moçambique e radicado no Rio de Janeiro, Gunga Guerra é a escolha do conselho editorial da Dasartes para …

Resenhas

Resenhas

Amsterdam Art Week
Museus e Galerias • Amsterdã • Países Baixos • 22 a 25/11/2018
POR SYLVIA CAROLINNE

Diversas foram as aberturas ao …

Matéria de capa

Os contos cruéis de Paula Rego

 

“Os contos cruéis”, de Paula Rego, exposição inaugurada em outubro no Museu  L’Orangerie, em Paris, marca um momento importante na …

Flashback

Pieter Bruegel, o velho

Bruegel é um moralista ou fatalista? Otimista ou cínico? Humorista ou um filósofo? Camponês ou habitante da cidade? Folclorista ou …