“Tarsila Popular” torna-se a exposição mais vista da história do MASP

Tarsila popular, a mais ampla exposição já feita da artista Tarsila do Amaral, chegou ao fim no dia 28 de julho, como a mostra mais visitada da história do MASP. Com 402.850 visitantes, superou outro fenômeno de público do museu, Monet, realizada entre maio e agosto de 1997. A exposição do impressionista, que mobilizou São Paulo à época, teve 401.201 espectadores.

“O recorde de visitação da exposição Tarsila popular no MASP reflete a consolidação da artista não apenas na história da arte, mas no imaginário do grande público. Ele aponta também para um interesse crescente pela arte e pelo museu, algo que que também pode ser atestado na venda do catálogo da exposição, um denso volume de 360 páginas que até agora já superou a marca de 7 mil exemplares”, diz Adriano Pedrosa, diretor artístico do
museu, e curador da exposição ao lado de Fernando Oliva.

“Essa grande visitação reafirma o desejo do público por olhares renovados em relação aos artistas canônicos da história da arte brasileira, o interesse em abordagens novas e inéditas, caso desta mostra, que trouxe para o centro do debate não só o popular, mas as questões sociais, raciais e de classe na obra de Tarsila, aspectos que costumam ser negligenciados”, afirma Fernando Oliva.

Aberta ao público em 5 de abril, juntamente com Lina Bo Bardi: Habitat, a mostra Tarsila popular foi um sucesso de público desde o primeiro momento. No vernissage para convidados, na noite de 4 de abril, 1.800 pessoas formaram fila no vão livre para ver em primeira mão as 92 obras da exposição, entre pinturas e desenhos da modernista. Com forte procura nos quatro meses que esteve em cartaz, sobretudo na Terça Grátis Qualicorp, responsável por metade do público da exposição, Tarsila popular deu um salto em julho, mês de férias escolares. A mostra bateu sucessivos recordes. Na terça-feira 16, o MASP registrou 8.454 visitantes, marca histórica para um único dia no museu. Na terça seguinte, 23, Tarsila popular superou o próprio recorde, com 8.818 espectadores.

O catálogo da exposição, de mesmo nome, teve milhares de exemplares vendidos. O livro é o mais amplo catálogo de mostra sobre Tarsila do Amaral, reunindo 113 de suas obras, bem como fotografias e documentos, em 360 páginas. Organizado pelos curadores da mostra, Pedrosa e Oliva, inclui textos inéditos de ambos, de Amanda Carneiro, Irene V. Small, Mari Rodríguez Binnie, Maria Bernardete Ramos Flores, Maria Castro, Michele Greet, Michele Bete Petry e Renata Bittencourt, além de textos históricos de Paulo Herkenhoff e Sergio Miceli, e comentários de obras feitos por Artur Santoro, Carlos Eduardo Riccioppo, Guilherme Giufrida e Matheus de Andrade. Tarsila popular, o livro, segue à venda no MASP Loja, ponto de vendas do museu com entrada gratuita, independente das exposições, por R$ 139 (brochura) e R$ 159 (capa dura), em edições separadas em português e inglês (Tarsila do Amaral: Cannibalizing Modernism).

Compartilhar:
De Arte a Z - 15/08/2019

Exposição imersiva no universo de Van Gogh chega a São Paulo

Neste sábado (17/08), o shopping Pátio Higienópolis, em São Paulo, inaugura a exposição Paisagens de Van Gogh, sobre o pintor …

De Arte a Z - 15/08/2019

Quarto de motel com tema de Edward Hopper permite experimentar a alienação das pinturas clássicas do artista

Como os museus de todo o mundo disputam a atenção – e os dólares – de visitantes, estão cada vez …

De Arte a Z - 15/08/2019

Coletivo de arte austríaco transformando um set de filmes de pesadelo

A cena em constante mutação de Liam Gillick e a mostra atual do coletivo austríaco Gelatin no museu Kunsthalle, em …

De Arte a Z - 15/08/2019

Mural da Estátua da Liberdade algemada viraliza na internet

Mural no centro de Las Vegas, do artista britânico Izaac Zevalking, queria chamar a atenção para a fundação da América …

De Arte a Z - 15/08/2019

Artistas transformam o aeroporto de Hong Kong em um estúdio de arte de protesto como manifestações antigovernamentais

Artistas se juntaram aos manifestantes que ocupavam o Aeroporto Internacional de Hong Kong no fim de semana para criar arte …

De Arte a Z - 15/08/2019

Mapas indígenas do século XVI mostram visões não-eurocêntricas do mundo

Ao mesmo tempo em que a Espanha começou a explorar as Américas habitadas, os cartógrafos europeus concentraram-se em criar mapas …

De Arte a Z - 15/08/2019

"Fibra – I Bienal de Arte Têxtil" está com inscrições abertas

Um projeto para apresentar as tendências e os diferentes trabalhos de áreas que se mesclam na arte e na economia …

De Arte a Z - 09/08/2019

MASP recebe doação de arquivo de Rubem Valentim com mais de 10.000 itens

O Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (MASP) recebeu um vasto acervo com manuscritos, datiloscritos, cartas, fotos e …

De Arte a Z - 09/08/2019

Uma virada de cores na maior comunidade de São Paulo

De abril a junho deste ano o projeto Uma Virada de Cores ofereceu oficinas gratuitas de graffiti a jovens de …

De Arte a Z - 06/08/2019

Com programação movimentada e novas parcerias, 13ª SP-Foto estreita vínculos entre a cena brasileira e a internacional

A SP-Foto – Feira de Fotografia de São Paulo chega à sua 13ª edição firmando-se como o mais relevante evento de fotografia …

De Arte a Z - 02/08/2019

Polêmica da Mona Lisa: Tribunal e misterioso consórcio com suposta versão mais jovem da musa de Da Vinci

Uma disputa de propriedade está esquentando sobre uma versão da Mona Lisa que se acredita ser das mãos de Leonardo …

De Arte a Z - 02/08/2019

Gerhard Ritchter nega museu em seu nome oferecido pela Alemanha

Embora o artista vivo mais famoso da Alemanha diga que não quer um museu dedicado a suas pinturas, autoridades em …