GONÇALO IVO | AURORA – GUSTAVO REBELLO GALERIA

Para esta exposição, o artista selecionou uma maioria de trabalhos em formato menor, de delicadeza e força compatíveis aos dos poemas que pretendem ilustrar. A vernissage foi também o evento de lançamento do livro “Aurora”, do poeta Lêdo Ivo, pai do artista, que traz 31 poemas ilustrados com pinturas de Gonçalo.

Nem todas as obras da exposição estão no livro. As mais inovadoras são grandes telas de formica, pintadas com pequenas linhas pontilhadas que remetem a série anterior das Constelações. Sobre o negro puro e sólido da formica, as estrelas parecem brilhar ainda mais forte. Apesar de seu alto valor, uma destas foi vendida já na primeira hora do coquetel de abertura. Muitas das outras peças também.

Outra novidade foi uma escultura de pedaços disformes de madeira em azul. Nela, o contraste entre o rústico algo barroco do suporte e as cores vivas, berrantes, em linhas bem definidas, trazia sedução. Novas texturas e estampas estavam em muitas das pequenas telas, reminiscentes de seus Oratórios.

Mais uma vez, Gonçalo Ivo mostra inovação, criatividade e apuro, alternando força e delicadeza tão bem quanto seu pai, ou melhor.

Compartilhar: