Uma afirmação da presença | Centro Cultural Correios

Em época de selfies, as curadoras Lúcia Avancini e Marilou Winograd convidaram 70 artistas para desenvolver sua selfie conceitual. Fazer de sua obra a imagem de si próprio, referenciada aos autorretratos produzidos ao longo da História da Arte. Uma afirmação da presença do artista, memória de estar visível, prova de estar incluído no mundo.

O tema é o artista na obra, o artista como obra e o artista como testemunha da obra. A proposta é cada artista convidado criar uma obra que gere uma ponte entre a referência conceitual da obra de qualquer gênero ou época escolhida por ele e o olhar contemporâneo.

Será ocupado todo o terceiro andar do espaço cultural.

12 artistas farão ações performáticas na inauguração.

 

Compartilhar: