Mano Penalva | SOMA Galeria

A exposição inédita ‘truk(ə), é composta por trabalhos de diferentes séries realizadas por Mano Penalva entre os anos de 2015 e 2017, entre pinturas, foto, instalações e vídeo que evidenciam a oralidade, a gestualidade e a materialidade da circulação das coisas no mundo.

Essa escolha, tomada juntamente com o curador Josué Mattos, traz para a SOMA Galeria o processo de criação do artista, com trabalhos dispostos quase como um sistema de venda de rua, mas que também respeita a lógica e disposição dos materiais e trabalhos no ateliê do artista.

O nome da exposição é pensado como algo falado, seguindo o sistema de escrita que representa os sons da fala. Dessa forma, Mano Penalva valoriza o gesto e a oratória presentes nas relações de negociação de mercados e o comércio de rua, partindo de um contexto no qual mais importante do que simplesmente contar uma história é a necessidade de motivar as pessoas a agir ou entreter.

A exposição é regida pelo som vazado do vídeo Aparelhagem, que a partir da edição  de um registro do “jogo das tampinhas”, o artista cria uma espécie de repente – um canto que se dá em forma de improviso poético, alternado entre dois cantores.

Compartilhar: