Lucia Vilaseca | Sala José Cândido de Carvalho

Lucia Vilaseca — que iniciou sua formação no Atelier Livre de Artes Plásticas e no Centro de Arte Contemporânea com Maria de Lourdes Mader e Victor Gerhard no início dos anos 70, e participou da exposição ‘Como vai você Geração 80?’, na Escola de Artes Visuais do Parque Lage — apresenta, nesta mostra, obras que integraram  “Silenciosa geometria”, exposição realizada em 2016, na Galeria Portas Vilaseca, Rio de Janeiro, com curadoria de Vanda Klabin.

Para esta mostra, cuja curadora é Desirée Monjardim, a artista trabalha com a geometria, que sempre fez parte do seu universo pictórico. Tem admiração por Mondrian, Torres Garcia e pelos concretos e neoconcretos Ivan Serpa, Lygia Pape, Aluísio Carvão, entre outros.

É a segunda vez que Lucia Vilaseca apresenta seus trabalhos na Sala José Cândido de Carvalho. Em 1998, expôs “Lápis”, uma série de desenhos em lápis de cor, também sob a curadoria de Desirée Monjardim.

Crédito fotográfico: Jaime Acioli.

Compartilhar: