Lucas Costa – Posição

Artista apresenta desenhos, pinturas e fotografia de ação em sua primeira individual em galeria.

Em sua primeira individual na Galeria Sancovsky, Lucas exibe seis desenhos, dez pinturas de grande formato e uma fotografia de ação. “POSIÇÃO” reúne um conjunto de obras que guarda profunda relação com o equilíbrio formal e também com o equilíbrio físico, uma vez o artista desafia a gravidade para realizar alguns deles.

O canteiro de obras é um cenário recorrente nas ações orientadas para fotografia do artista. Em “POSIÇÃO Nº 04”, Lucas apresenta-se em pé numa construção, apoiado sobre duas barras de concreto posicionados mais ou menos em “t”. “Era necessário apresentar apenas os momentos limítrofes dessa atividade. Nesse caso, a fotografia consegue manter algum segredo desse acontecimento”, declara.

A série de seis desenhos tem uma forma recorrente: um polígono preto de seis lados. Essa forma sólida, porém, é desestabilizada pela presença de apenas quatro apoios, ora visíveis, ora imersos no desenho.

Na esteira de suas fotografias, sua pintura não poderia deixar de ser massiva – são seis telas de 1,95 x 1,46 m – porém os campos de cor em preto, grandes e formalmente pesados, tornam-se leves na relação que guardam com os pequenos retângulos cinza com que esses blocos de cor contracenam nas composições.

 

Compartilhar: