Lançamento de catálogo | Museu Janete Costa de Arte Popular

O catálogo conta com as exposições mais recentes e que marcaram o ano de 2017 o Museu Janete Costa de Arte Popular, em Niterói. A obra possui belas imagens e textos que detalham a linha curatorial adotada pelo colecionador e cenógrafo Jorge Mendes. Entre as exposições destacadas estão: “Na Companhia de Jorge”, “Mambembe” e “Caminhando com Janete”.

Referência para a arte popular brasileira, o local tem o objetivo de ampliar a divulgação da cultura sem fazer distinção das diferentes classificações dentro do mundo das artes.

Um pouco mais sobre as exposições do catálogo:

– “Na Companhia de Jorge”: sucesso absoluto de crítica e público – mais de 5 mil visitantes em apenas 1 mês – a mostra, composta por diversas obras, apresentou esculturas, telas e instalações da coleção do cenógrafo e professor de artes, Jorge Mendes, e seu sócio Jorge Guedes.

Foi composta por 80 obras – parte de uma das mais completas coleções de arte popular da região e do país – e apresentou as diversas faces de São Jorge, com a curadoria dos próprios colecionadores, e sob o olhar de diversos artistas populares nacionais, como Nicola, Welington Ferreiro e Mestre Dezinho, revelando a relação do Santo guerreiro com o universo popular e religioso brasileiro.

– “Mambembe”: o Universo dos palhaços foi o foco da mostra, dos artistas mineiros Fábio Francino e Silas Vilela, residentes em Vitoriano Veloso (MG), conhecida Bichinho. Com curadoria do colecionador Jorge Mendes, a exposição fez uma homenagem aos artistas que dedicam toda uma vida a plantar e semear arte e cultura pelo Brasil. De acordo com o curador, o nome da exposição foi inspirado na peça “O Mambembe”, escrita por Artur Azevedo (1855-1908), e montada, originalmente, em 1904.

– “Caminhando com Janete”: uma homenagem à sua patrona. Levou ao público uma releitura do trabalho “Viva o povo brasileiro”, exposto com sucesso durante a Eco 92. Com a curadoria do colecionador Jorge Mendes, “Caminhando com Janete” reuniu 248 obras de 115 artistas populares de todo o país e fez uma reverência ao Estado de Pernambuco e seus mestres da arte popular.

 

Compartilhar: