Giselle Beiguelman | Galpão VB

Quanto pesa uma nuvem?, de Giselle Beiguelman, apresenta uma instalação multimídia composta por vídeo, áudio, carimbos e fotografia, que ocupa o Galpão VB propondo uma incursão do público a um território desconhecido e misterioso. O mesmo tipo de território onde a artista se defrontou com um mundo sobre o qual não tinha referências, apenas fragmentos de narrativas silenciadas. Com família judia de origem polonesa, Giselle Beiguelman transforma-se neste projeto em um viajante de memórias, que se interroga, investigando paisagens e o seu próprio passado, revendo uma história sem rastros e criando ao final uma obra com imagens fortes, carregada de lirismo. Quanto pesa uma nuvem? é comissionado pelo Adam Mickiewicz Institute, como parte do programa de promoção da cultura polonesa no Brasil, organizado por Culture.pl em 2016.

Giselle Beiguelman é um dos principais nomes do país e uma referência internacional no campo da arte digital e no uso da internet e de redes móveis em práticas artísticas. Seu trabalho inclui intervenções em espaços públicos, projetos em rede e aplicações para dispositivos móveis, exibidos em importantes museus e espaços de arte contemporânea. Giselle é também curadora, ensaísta e professora de professora da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU-USP), onde se dedica a pesquisas na área de preservação da arte digital, do patrimônio imaterial e do design de interface. Em um de seus últimos projetos, a organização da exposição Memória da Amnésia (2015/16), ela abordou os monumentos paulistanos, numa ação que discutiu políticas da memória como “políticas do esquecimento”. Agora, na exposição que apresenta no Galpão VB, a artista se volta para a sua própria história, em uma busca por imagens e registros de memórias, objetos e impressões de sua viagem de reconhecimento a Polônia.

Compartilhar: