Encontro na Sala de Leitura | Biblioteca-Parque

No dia 16 de agosto, das 14h às 18h, a Biblioteca-Parque Estadual do Rio de Janeiro oferece uma tarde de eventos ligados à arte visual. O encontro acontece em torno da exposição coletiva “Sala de Leitura”, que reúne trabalhos de 20 artistas, com curadoria de Osvaldo Carvalho. O programa começa com exibição de videoarte, seguida de bate-papo. Depois, o artista Luiz Badia apresenta uma videoperformance.

Aberta em 2 de agosto, a exposição “Sala de Leitura” propõe uma reflexão em torno do ato de ler, seja por meio da palavra ou da imagem: da decodificação à interpretação, do signo ao significado. A exposição reúne cerca de 50 obras de técnicas variadas: pintura, desenho, escultura, fotografia, assemblage, colagem, videoarte, gravura, objeto e instalação. Participam da mostra Ana Herter, Angela Rolim, Cecilia Cipriano, Claudia Malaguti, Gilda Lima, Grasi Fernasky, Hudson Lima, Isabela Frade, Jo Iocken, João Moura, Júnia Azevedo, Ligia Calheiros, Luiz Badia, Marciah Rommes, Miro PS, Petrillo, Roberto Tavares, Rosi Baetas, Sandra Macedo e Teresa Stengel. Com coordenação de Lia do Rio, a exposição fica em cartaz até 6 de setembro, com entrada franca.

Segundo a curadoria, a ideia é trazer para quem visita a exposição a compreensão maior do que está por trás dos trabalhos expostos. “Como diz Paulo Freire, é preciso ter a capacidade de ler nas entrelinhas, senão, quando oprimidos, acabaremos agindo como nossos opressores. O indivíduo que compreende sua realidade é capaz de procurar soluções para transformá-la, rompendo com a sina de repetir os erros do passado”, explica Osvaldo. “A exposição traz a sala de leitura como lugar desse acontecimento, da transformação do sujeito que busca conhecer e modificar o mundo a sua volta”, conclui ele.

(Foto: Revolução Espanhola, Anônimo, Videoarte Júnia Azevedo)

Compartilhar: