Elogiamos a Casa que se Abre a Perder de Vista | Galeria Bolsa de Arte

Um dos gêneros clássicos da História da Arte, a paisagem ganha recorte urbano na coletiva de fim de ano que a Galeria Bolsa de Arte abre no dia 2 de dezembro (sábado), das 11h às 16h. Elogiamos a Casa que se Abre a Perder de Vista, com curadoria de Mario Gioia, traz cerca de 30 obras de artistas do elenco da galeria mesclados a nomes novos e estabelecidos.

Entre os representados, figuram Alexandre Wagner, André Lichtenberg, Marina Camargo, Shirley Paes Leme e Vera Chaves Barcellos. Outros nomes, como Bruno Drolshagen, Ding Musa e Marco Maria Zanin completam a seleção de artistas.

A mostra é um desdobramento de Ao Sul, Paisagens, que Gioia exibiu na sede da Galeria Bolsa de Arte em Porto Alegre em 2013. Se lá a perspectiva ambiental enfatizava um certo ideário sulino, com mais prevalência da natureza em cena, na versão paulistana o escrutínio do entorno vale-se da iconografia urbana e de suas tensões.

 

 

Lista de artistas
Alexandre Wagner
André Lichtenberg
Bruno Drolshagen
Bruno Miguel
Daniel Moreira e Rita Castro Neves
Ding Musa
Dirnei Prates
Gustavo Torrezan
Julia Milward
Layla Motta
Leka Mendes
Leticia Lampert
Maíra Vaz Valente
Manuela Costa Lima
Marco Maria Zanin
Marina Camargo
Renata de Bonis
Roberta Tassinari
Shirley Paes Leme
Vera Chaves Barcellos
Xadalu

Compartilhar: