Data ART | Centro Cultural Municipal Parque das Ruínas

Dados jornalísticos nus e crus podem ser transformados em arte? Números podem ter uma leitura artística e serem transmutados em peças gráficas, performances e instalações? A exposição Data ART, que será inaugurada no Parque das Ruínas, em Santa Teresa, Rio de Janeiro, comprova que SIM.
Inspiradas em reportagens que denunciam a desigualdade de gênero, as peças abordam temas como violência, abuso, desaparições, subrepresentatividade e inequidade salarial, traduzindo em novas plataformas dados, informações e discussões de grande relevância e atualidade.
Exibida pela primeira vez em El Salvador, a Data ART chega ao Brasil depois de passar por Costa Rica e Honduras com obras inspiradas em reportagens publicadas em veículos independentes brasileiros, salvadorenhos e guatemaltecas.
A edição da mostra no Brasil conta com uma peça inédita desenvolvida com exclusividade pela Gênero e Número, pelo Laboratório de Modelos e Fabricação Digital da UFRJ e pelo Instituto Igarapé sobre violência contra mulheres negras. A idealizadora da Data ART, a jornalista espanhola Cristina Algarra, estará na abertura da mostra.
Compartilhar: