Da figura à abstração geométrica | IAC (Instituto de Arte Contemporânea)

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Com curadoria de Regina Teixeira de Barros, a mostra Da figura à abstração geométrica, apresenta os primórdios da chegada da arte abstrata no país por meio de uma seleção de trabalhos de artistas brasileiros ou residentes no Brasil, em início de carreira entre os últimos anos da década de 1940 e a primeira metade dos anos 1950, e cujos legados estão sob a salvaguarda do IAC. Estudos, esboços e obras de Willys de Castro, Sérgio Camargo, Luís Sacilotto, Hermelindo Fiaminghi, Lothar Charoux, Sérvulo Esmeraldo e Amílcar de Castro estão presentes na exposição que reúne obras figurativas, quase figurativas e plenamente abstratas.  A intenção é evidenciar aspectos da pesquisa de tais artistas que acabaram por consolidarem-se como abstratos de vertente geométrica.

Compartilhar: