Vestes, Vestígios, Rastros do Tempo, da artista visual Adriana Fontes, na Galeria do Lago.

Instalação "Vestes, Vestígios, Rastros do Tempo" da artista visual Adriana Fontes, na Galeria do Lago.

Uma maneira poética e inusitada de visitar o Palácio do Catete. É o que propõe a instalação Vestes, Vestígios, Rastros do Tempo, da artista visual Adriana Fontes, na Galeria do Lago. A exposição, inaugurada no dia 13 de dezembro, abre a temporada de férias na galeria de arte do Museu da República, quando a instituição recebe seu maior público. Com curadoria de Isabel Portella (coordenadora e curadora da Galeria do Lago/Museu da República), a instalação fica em cartaz até 1º de fevereiro de 2015. A instalação é composta de dois vídeos com fotos projetados em tecidos fluidos que pendem do teto. As imagens e a trilha sonora remetem ao palácio como um local imaginário, transportando o espectador a outros espaços.

Compartilhar: