Margens e Confluências | Parque das Ruínas

Com linguagens e poéticas completamente díspares, Ana Luiza Rego, Bruno Schmidt e Roberto Barciela se juntaram na exposição “Margens e Confluências”, que abriu no dia 1º de setembro, na galeria principal do Parque das Ruínas. Com curadoria de Isabel Sanson Portella, a exposição é composta por cerca de 15 obras e uma instalação e pode ser visitada até 30 de setembro.

Compartilhar: