DASARTES 67
dezembro 2017

RODRIGO ANDRADE
EX AFRICA
BÁRBARA WAGNER
SURREALISMO EGÍPCIO
PATRÍCIA REBELLO

LEIA . BAIXE . COMPARTILHE ARTE

CAPA: Retrospectiva com mais de cem obras de RODRIGO ANDRADE na Pinacoteca mostra como a matéria assumiu aos poucos o papel de protagonista, consolidando seu estilo inconfundível. Veja texto da curadora e crítica de arte Taísa Palhares.

DESTAQUE: Em um momento em que a herança africana volta a estar em evidência, o CCBB lança o olhar sobre o continente africano com a mostra “EX AFRICA” com foco na produção contemporânea. O curador e crítico de arte Alfons Hug nos conta tudo sobre esta coletiva itinerante.

REFLEXO – Com foco na tradição popular e questões sócio-econômicas e de gênero, a grande vencedora do Prêmio PIPA 2017 BÁRBARA WAGNER conta a Dasartes todo o processo de criação e inspiração de quatro de suas obras em exposição em São Paulo, no MAM, Instituto Moreira Salles e Festival Sesc_Videobrasil.

FLASHBACK: No Tate Liverpool, a exposição “SURREALISMO EGÍPCIO” é a primeira grande mostra do museu sobre o Art and Liberty Group (Art et Liberté). Este coletivo de artistas e escritores, culturalmente envolvido e socialista, viveu e trabalhou no Cairo no final da década de 1930 até o final da década de 1940. Saiba mais pelas palavras dos curadores Sam Bardaouil e Till Fellrath.

GARIMPO – Selecionada pela Dasartes entre os finalistas do Concurso Garimpo 2017, a artista PATRÍCIA REBELLO tem na mistura entre técnicas artísticas e registro científico um método para criar imagens de sedutora poesia. Veja o texto introdutório sobre sua obra pela autora Elisa Maia.

RESENHAS – Veja resenhas das exposições “Zona de remanso” de FILIPE ACÁCIO na Zipper Galeria por Allan Yzumizawa – um dos vencedores do Concurso Novos Autores Dasartes – e “Na Arte interessa o que não” de DÉCIO PIGNATARI na Galeria Millan pelo crítico Cahoni Chufalo.

AGENDA, DE ARTE A Z, NOTAS DE MERCADO, LIVROS E COLUNA DO MEIO completam a edição de verão 67 – Ano 9. Boa leitura!


Compartilhar: